cenografia para:

dois séculos

cheguei tarde demais a um século velho demais

manuel teixeira gomes

 

dança contemporânea com coreografia de daniel cardoso para a quorum ballet coª dança contemporânea. estreia no teatro municipal de portimão, em junho de 2011.

To play, press and hold the enter key. To stop, release the enter key.

press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom

dramaturgia: pedro alves

intérprete / actor: miguel simões

música original: jorge silva

música ao vivo: jorge silva, francisco fernandes, cláudio nunes, gil alves

desenho de luz: vítor cândido

desenho de som: bruno oliveira

vídeo original e imagem: antónio cabrita

figurinos: fauze el kadre

cheguei tarde demais a um século velho demais,


dizia manuel teixeira gomes, comerciante, escritor e político, nascido em 1862 em portimão, no algarve. homem culto, personalidade moderna e requintada, fascinado pela beleza da arte e da mulher, teixeira gomes viveu entre dois séculos, num dos tempos mais agitados da nação portuguesa. como eneias, também ele foi um fugitivo por força do destino, ansiando por pisar terra firme, vagueando por entre dois séculos, que nunca foram realmente seus, entre o século de helena, tróia e dos clássicos, e aquele que também já não é o nosso século. um tempo que, na verdade, tem sido o de toda a humanidade. manuel teixeira gomes tomaria posse como presidente de república no dia 5 de outubro de 1923. no entanto, sempre apaixonado pela vida, frequentador dos maiores e melhores museus e teatros da europa, a política tornar-se-ia, para ele, um “sacrifício inglório” e acabaria por partir para longe da sua adorada pátria, exilando-se em bougie, na argélia (uma “sintra à beira-mar”), apoderando-se, por fim, da tão cobiçada areia, até encontrar o eterno descanso, doando-nos uma obra extraordinária.


através das linguagens da dança, do teatro, da poesia, da música e das artes plásticas, o quorum ballet, em co-produção com a câmara municipal de portimão, apresenta esta nova criação inserida nas comemorações nacionais dos 150 anos de manuel teixeira gomes. pretendemos assim, promover um encontro renovado com a vida e obra de uma das personalidades maiores da história de portugal. um encontro que também nos dá fome de falar português. 


pedro alves

To play, press and hold the enter key. To stop, release the enter key.

press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom

fotografia de cristina cardoso